19 de julho de 2024

“SÓ DESEJAR ALGO, NÃO O TORNA REAL ” – A PRINCESA E O SAPO

FICHA TÉCNICA:

Nome Original: The Princess and the Frog
Nome do Brasil: A Princesa e o Sapo
Gênero: Animação / Comédia / Romance / Fantasia
Ano: 2009
Duração: 1h 37min
Direção: Ron Clements / John Musker
Roteiro: Ron Clements / John Musker
Elenco Principal: Anika Noni Rose / Oprah Winfrey / Keith David / Jenifer Lewis /
John Goodman / Bruno Campos / Terrence Howard / Tyra Banks
País de Produção: Estados Unidos

RESENHA (SEM SPOILERS):

Tiana é uma bela jovem que vive em Nova Orleans.
Desde criança ela sonha em ter um restaurante próprio,
o que faz com que tenha dois empregos
e junte o máximo de dinheiro possível.
Para conseguir a quantia necessária
para que possa enfim alugar o imóvel de seus sonhos,
ela aceita trabalhar na festa realizada por Charlotte LaBouff,
sua amiga de infância.
Charlotte deseja conquistar o príncipe Naveen,
que acaba de chegar à cidade.
Entretanto, um incidente faz com que Tiana troque de roupa
e, no quarto de Charlotte, use um de seus vestidos.
É quando surge um sapo, anunciando ser um príncipe
e pedindo a Tiana que lhe conceda um beijo,
para que o feitiço nele aplicado seja quebrado.
De início Tiana acha a ideia repugnante,
mas aceita ao receber a promessa do príncipe
de que conseguirá para ela a quantia necessária para concretizar o aluguel.
Só que, ao beijá-lo, ao invés dele se tornar humano novamente,
é Tiana quem se transforma em sapo.

Esta é uma excelente animação diferente dos contos de fadas comuns,
onde a história acaba quando a princesa beija um sapo e ele vira um príncipe.
Esse é apenas o início da aventura da primeira princesa negra da Disney.
Com um roteiro leve, divertido, misturado com romance e drama,
é uma ótima escolha pra assistir com toda a família.
Imperdível!

Texto realizado ao som de Sandy & Jr – Olha o Que o Amor me Faz

NOTAS E CURIOSIDADES:

Inicialmente o título original seria “The Frog Princess” (algo como “A princesa sapa”),
mas a Disney resolveu alterá-lo após receber diversas reclamações de preconceito racial.

Jennifer Hudson, Tyra Banks e Alicia Keys estiveram cotadas para dar voz à princesa Tiana.

Esta foi a primeira animação convencional da Disney desde Nem que a Vaca Tussa (2004).

O príncipe Naveen é natural de um país imaginário chamado Maldonia.
O nome é uma mescla de Macedônia e Malta.

O crocodilo e a borboleta presentes no filme foram nomeados em homenagem
aos músicos e cantores Louis Armstrong e Ray Charles.

Alan Menken seria o compositor da trilha sonora de A Princesa e o Sapo,
mas John Lasseter decidiu substituí-lo para evitar que a Disney soasse repetitiva.
Menken fez a trilha sonora de Encantada (2007), também produzido pelo estúdio.

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!