21 de junho de 2024

“ELA TÁ COM A BOLA TODA” – ELA É O CARA

FICHA TÉCNICA:

Nome Original: She’s the Man
Nome do Brasil: Ela é o Cara
Gênero: Comédia / Romance
Ano: 2006
Duração: 1h 45min
Direção: Andy Fickman
Roteiro: Kirsten Smith / Karen McCullah Lutz
Elenco Principal: Amanda Bynes / Channing Tatum /
Laura Ramsey / Robert Hoffman / Alex Breckenridge
País de Produção: Estados Unidos

RESENHA (SEM SPOILERS):

Viola é uma boa jogadora de futebol,
mas sempre é impedida de jogar com os garotos de sua escola
devido ao preconceito de que mulher não pode ser tão boa
no esporte quanto um homem.
Furiosa, Viola aproveita a viagem de seu irmão Sebastian
e decide se passar por ele em sua escola,
jogando no time masculino de futebol.
Ela tem apenas duas semanas para mostrar que sabe jogar futebol,
mas acaba se apaixonando por Duke, seu companheiro de quarto,
que acredita que ela é um homem.

Ela é o Cara é um excelente filme de comédia e romance,
com uma ótima interpretação da Amanda Bynes como Viola.
O longa tem vários momentos hilários da Viola tendo que se desdobrar
para não ser descoberta, ao mesmo tempo lidar com um triangulo amoroso
e ainda por cima melhorar seu convívio social com os outros garotos.
Imperdível!

Texto realizado ao som de Boston – More Than A Feeling

NOTAS E CURIOSIDADES:

O filme foi inspirado na peça “Noite de Reis”, de William Sheakespeare.
A peça conta a história de Viola, que assume a identidade de um homem, Cesário,
e acaba se envolvendo em um triângulo amoroso.
O clássico de Sheakespeare teve ainda uma outra famosa versão cinematográfica,
“Sheakespeare Apaixonado” (1998), onde Viola era vivida pela atriz Gwyneth Paltrow,
premiada com o Oscar pela interpretação.

Os produtores inicialmente queriam que Jesse McCartney interpretasse Sebastian,
já que suas feições faciais são parecidas com as de Amanda Bynes.
Como McCartney não estava disponível no período das filmagens,
James Kirk foi contratado.

Várias das cheerleaders vistas em cena foram dançarinas
em Reefer Madness: The Movie Musical (2005),
telefilme também dirigido por Andy Fickman.

No início das filmagens a atriz Amanda Bynes não sabia jogar futebol.
Apesar disso, ela conseguiu gravar a maioria das cenas de jogos.

A cena em que Duke acerta Malcolm no olho com uma toalha no vestiário foi real,
Channing Tatum deveria apenas jogar a toalha no rosto de James Snyder,
mas atingiu seu olho por acidente.
Os diretores gostaram da cena e resolveram usá-la no filme.

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!