23 de junho de 2024

“LUTAR É TUDO O QUE NOS RESTA” – RESIDENT EVIL: CODE VERÔNICA X

APRESENTAÇÃO:

Resident Evil: Code Veronica é um jogo de survival horror,
desenvolvido e publicado pela Capcom para o Dreamcast em 2000.
Teve uma versão melhorada intitulada Resident Evil: Code: Veronica X,
lançada para o Dreamcast (somente no Japão) e PlayStation 2 em 2001,
para o GameCube em 2003, PlayStation 3 e Xbox 360 em2011.

Claire está de volta ao jogo em busca por seu irmão, Chris Redfield.

HISTÓRIA:

Resident Evil: Code Veronica X se passa três meses
após a destruição de Raccoon City ao final de Resident Evil 3: Nemesis.
Ao escapar com vida da cidade ao lado de Leon S. Kennedy,
Claire Redfield continua sua busca por seu irmão, Chris Redfield,
desaparecido desde os eventos do primeiro jogo.
Sua busca a leva para a divisão francesa da Umbrella,
onde ela é capturada e enviada para a isolada Rockfort Island.
Na ilha se encontra uma base secreta da Umbrella controlada pela família Ashford,
uma das famílias fundadoras da própria Umbrella.
E logo após chegar na ilha, tudo vira de ponta a cabeça,
e uma epidemia do T-Virus toma conta de todo o lugar,
com zumbis e outros monstros infectados dominando toda a ilha.
Sua missão principal agora é escapar desse lugar com vida.

É preciso ficar atento no seu inventário, pois as munições são escassas.

GAMEPLAY:

Na maior parte do tempo jogamos com a Claire,
mas em alguns momentos da história com outros dois personagens.
A gameplay é bem simples, basta sair matando zumbis e monstros
até chegarmos a determinado local e ir descobrindo segredos sobre o lugar,
coletando itens, objetos, chaves, armas, munições, plantas de cura,
e claro… resolvendo vários puzzles pelo caminho.
No inicio do game, somos apresentados ao personagem Steve,
um jovem impulsivo que também estava preso na ilha
e conseguiu escapar durante a infestação do T-Virus,
e que por alguns momentos se alia a Claire,
inclusive em certas partes da história podemos controlá-lo.
Já na segunda parte do jogo dividimos o controle entre Claire e seu irmão Chris,
que também acaba se envolvendo nos acontecimentos do game.
Nessa parte os puzzles são exclusivos para cada um dos personagens.
Dessa forma, o compartilhamento de itens é uma das coisas mais importantes do jogo,
pois Claire e Chris contribuem com puzzles um do outro em vários momentos.
Além de poderem compartilhar todos os seus itens de cura, armas e munições.
E ao terminar o game, um novo modo é aberto, o Battle Mode,
em que o jogador deve avançar por diferentes salas de todo o game,
matando todos os inimigos que encontrar para poder seguir em frente.
Esse modo pode ser jogado tanto em primeira como em terceira pessoa.

Os zumbis estão mais variados nesse novo jogo.

GRÁFICOS E SONS:

Resident Evil: Code Veronica X tem excelentes gráficos totalmente 3D,
bem bonitos e detalhados principalmente nessa versão em alta resolução (HD)
lançada para o Xbox 360 e PlayStation 3 em 2011.
A trilha do jogo é maravilhosa e os efeitos sonoros garante vários sustos.
Ele foi o primeiro jogo da série a ter expressões faciais e movimentação labial
para os personagens e as cutcenes estão mais bem trabalhadas e bonitas!

Resident Evil: Code Veronica X tem excelentes gráficos totalmente 3D.

CONCLUSÃO:

Resident Evil: Code Veronica X é um jogo magnífico,
com gráficos bonitos, trilha sonora épica, desafiante e divertido.
Com uma história bacana, envolvendo muito mistério e revelações.
Para os fãs da série, esse é um título mais que obrigatório!
Resident Evil: Code Veronica já era excelente nas outras plataformas,
mas essa versão melhorada em HD deixou tudo ainda melhor,
trazendo a versão definitiva desse clássico do survival horror!

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!