12 de abril de 2024

“AS FERIDAS QUE IGNORAMOS NÃO CICATRIZAM BEM” – ASSASSIN’S CREED VALHALA: A SAGA DE GEIRMUND

FICHA TÉCNICA:

Titulo: Assassin’s Creed Valhalla: A Saga de Geirmund
Título Original: Assassin’s Creed Valhalla Geirmund’s Saga
Autor: Matthew J. Kirby
Gênero: Fantasia / Ficção Histórica
Editora: Planeta / Minotauro
Coleção/Arco: Assassin’s Creed
Publicação: Original 2020
Número de Páginas: 368 páginas

RESENHA (SEM SPOILERS):

Assassin’s Creed Valhalla: A Saga de Geirmund, os reis de Wessex,
que desejam a unificação da Bretanha, tem de encarar uma nova ameaça.
Os vikings, que querem o litoral da Bretanha.
Dentre eles, Geirmund Hel-hide, um guerreiro viking e segundo filho do rei,
que precisa conquistar e abrir seu próprio caminho no mundo,
então parte para provar seu valor.
No caminho encontra um ser mitológico que lhe concede um artefato…
e uma profecia nada animadora.
O livro vai narrando a ascensão de geirmund e suas lutas
Kirby foi bem cuidadoso em sua pesquisa
e a história é cheia de referências a fatos e personalidades reais,
mas aconselho de vez em quando, caso não esteja familiarizado
com a cultura e mitologias nórdicas fazer algumas pausas
para conhecer alguns conceitos envolvidos que só melhoram a experiência.

Resenha escrita ao som de Led Zeppelin – The Imigrant Song

SFC – Onde quase todo dia é Sexta-feira!